FAMÍLIA ANGELO
Tronco do Triângulo Mineiro

Autor: Edson Angelo Muniz

 

DONIZETE DE OLIVEIRA FREITAS

       


     

Donizete é filho de João Raimundo de Freitas e Maria Dias de Oliveira. Donizete teve duas mulheres: com a primeira, Ambrosina Rodrigues Muniz, membro da Família Muniz, ele teve dois filhos, Matheus Henrique de Oliveira Muniz e Mareça Muniz de Freitas; com a segunda, Vanusa dos Santos Ferreira, ele teve mais dois filhos, Thalita Ferreira Freitas e Tâmara Adriele Ferreira Freitas.

Donizete é escritor e publicou os livros: Lágrimas da alma, de poesias, e Amor em chamas, cartas.

 

*  

 

FREITAS, Donizete de Oliveira, nascido aos 10 de setembro de 1959, na Fazenda Palmito, município de Paranaiguara, GO. Desde a infância manifestou as suas profundas aspirações por dominar as frequentes inspirações, que, a princípio, o perturbavam, levando-o à profunda busca do seu sonhado lugar, o que conseguiu somente quando tinha formado o seu intelecto.

Donizete permaneceu em seu estado, que afirma amar profundamente, no distrito de Itaguaçu, GO, até que concluiu a 8.ª série de Primeiro Grau, transferindo-se de imediato para Ituiutaba, MG, onde continuou praticando a arte do desenho, para a qual sempre teve facilidade, embora pratique por amor e nunca por profissão. [...] Nessa mesma cidade, Donizete concluiu o curso técnico de contabilidade, no Colégio Comercial, onde sempre foi admirado, a princípio, através dos desenhos, e, quando cursava o último ano, através de um valioso talento poético então revelado. Nesse ano, 1978, participou do III COMPOE — Concurso de Poeta Evangélico —, na cidade do Rio de Janeiro, sendo promovido pela revista A Seara, editada pela Casa Publicadora das Assembleias de Deus, e se achava inscrito entre os poetas evangélicos de vanguarda, que se afirmaram no mundo das palavras com uma nova concepção de linguagem sem os vícios do passadismo. A 15 de julho do mesmo ano participou de uma reunião de poetas, nessa metrópole, atendendo a convite formulado pelo poeta Joanyr de Oliveira, que presidiu tal reunião, onde se encontravam presentes poetas de todo o país, bem como de Portugal.

Donizete afirma amar a arte um pouco menos do amor que nutre por seu Deus — o Criador da natureza, que tanto admira.
 

João Marques Cardoso *

Poeta

 

_________________________

* "Ligeiros dados Biográficos", extraído do livro Lágrimas da alma, de Donizete de Oliveira Freitas.

 

 

VOLTAR